Menu
A+ A A-

Estratégia de Marketing - Amazon abre quiosques no Brasil para vender o Kindle

aiserverQuiosque_Amazon_BrasilNão é bem diretamente a Amazon, mas uma estratégia ao velho estilo HP (quando se vende barato a impressora para ganhar receitas com a venda do cartucho). Uma parceria brasileira irá ajudar a Amazon a vender o Kindle ao estilo Brasileiro. Essa iniciativa inédita no mundo mostra que a Amazon pode ter estratégias diferenciadas para o país.

Imagine ligar para uma loja física e ouvir do outro lado “Amazon, bom dia?” em alto e bom português. Pois desde 15/01, isto é uma realidade. Basta telefonar ao quiosque que a gigante do e-commerce abriu no piso Térreo do Shopping Morumbi em São Paulo. Trata-se, na realidade, de uma parceria da Amazon com a empresa brasileira de e-commerce Superfone, especializada na venda online de telefones celulares. Foi a varejista brasileira que procurou a Amazon e deste contato surgiu a ideia dos quiosques de Kindle. No caso do quiosque do Shopping Morumbi, ele está a metros de distância da concorrência, representada no fim do corredor por uma Saraiva Megastore.

“Temos de vender 1.600 aparelhos por mês para valer o investimento”, explicou Iliana Ferrarese, coordenadora dos quiosques de São Paulo. “Trata-se de um projeto-piloto ainda, mas no próximo dia 24 inauguraremos mais um quiosque no Shopping Iguatemi”, informou Ferrarese. Considerando-se as vendas no primeiro dia e meio de operação, em que apenas quatro Kindles e quatro capas para o aparelho foram vendidas, ainda há um longo caminho a ser percorrido para que a meta de venda por quiosque de mais de 50 aparelhos por dia seja alcançada.

aiserver_Quiosque_Amazon_Brasil2Para a coordenadora dos quiosques paulistanos, é clara a importância da presença física de lojas da Amazon para vender Kindles no Brasil. “As pessoas já tem acesso virtual ao Kindle no site, mas aqui elas conseguem ver e mexer no aparelho e, principalmente, tirar dúvidas. Fica mais no tête-à-tête”, explicou Ferrarese.

Os quiosques vendem apenas os Kindles de 4ª geração que já estão à disposição na Ponto Frio e na Livraria da Livraria e acessórios para os aparelhos. O preço é o mesmo das outras lojas, R$ 299. As marcas oficiais do “Kindle” e da “Amazon” estão visíveis na comunicação visual das mini-lojas, caracterizando as primeiras lojas físicas da Amazon no mundo. Afinal, embora o Kindle já tenha sido vendido em lojas físicas de outros varejistas, é a primeira vez que uma loja ou quiosque físico da Amazon, com toda a identificação visual da gigante online, abre suas portas – ou, no caso, seus balcões em algum ponto do planeta.

aiserver_Quiosque_Amazon_Brasil3No Rio de Janeiro, está planejada a abertura de dois quiosques e o primeiro já está em funcionamento no BarraShopping.

É interessante observar que no último dia 19/12, um artigo do The New York Times indicou a tendência das lojas exclusivamente online atravessarem a barreira da web e lançarem lojas físicas, a pedido e em busca de clientes. Em seguida, foi o site do Digital Book World que apostou na mesma tendência para o mercado editorial. E eis que o Brasil saiu na frente.

A pergunta é, o que mais virá por aí?
Abs,

Onde Estamos

Cuiabá e Varzea Grande - MT
Juiz de Fora - MG
Ji Paraná - RO
Campinas - SP

Telefone

+ 55 65 36859469

Sac

Sistema de Atendimento ao Cliente

Siga-nos

Conteúdos interessantes para você! :)

Facebook Twitter Google+ RSS Linkedin Youtube